Casa dos Bispos afirma o compromisso de defender a Resolução D034 da Convenção Geral

Escritório da Igreja Episcopal de Relações Públicas
18 de março de 2019

A Casa dos Bispos da Igreja Episcopal se reuniu em retiro no Kanuga Conference Centre, Hendersonville, NC de 12 a 15 de março de 2019. Em sua reunião de negócios de 15 de março, a Casa aprovou uma resolução se comprometendo a apoiar a Resolução da Convenção Geral D034, que suspende por três anos o cânone (lei da igreja) que limita a um período de dez anos o início de procedimentos em casos de má conduta sexual do clero contra adultos. A igreja não tem limite de tempo para relatar a má conduta sexual do clero contra crianças e jovens menores de 21 anos.

A resolução afirma que os bispos estão “empenhados em ter uma resposta pastoral robusta em todas as questões relativas à má conduta sexual, independentemente de quando a alegada má conduta ocorreu”.

O texto da resolução segue:

Visto que nossos cânones estipulam que “[pela] virtude do Batismo, todos os membros da Igreja são
chamados à santidade de vida e à responsabilidade uns pelos outros ”, e“ [a] Igreja e cada
A Diocese deve apoiar seus membros em sua vida em Cristo e procurar resolver os conflitos por
promoção de cura, arrependimento, perdão, restituição, justiça, emenda de vida e
reconciliação ”(Cânon IV.1),

Portanto, é

RESOLVEU que esta Câmara, reunida no Centro de Conferências de Kanuga de 12 a 15 de março, apóia
o compromisso de seus membros em fornecer uma "resposta pastoral robusta" às alegações de
má conduta sexual, independentemente de há quanto tempo essa alegada má conduta ocorreu.


Tags