Projeto de pesquisa financiado pelo Sínodo Geral Canadense trata do tráfico humano na era da pandemia

Por Joelle Kidd
26 de março de 2021

[Jornal Anglicano] Desde que foi identificado publicamente em Wuhan, China, no final de 2019, COVID-19 já custou a vida a mais de 2 milhões de pessoas em todo o mundo. A pandemia global teve efeitos de longo alcance em quase todas as áreas de nossas vidas e, como muitos já disseram, exacerbou questões de desigualdade anteriormente existentes em todo o mundo.

Na região da Ásia-Pacífico, os trabalhadores migrantes - que já estão marginalizados e empregados precariamente - e as vítimas de tráfico de pessoas não são exceção, diz Aaron Ceradoy, gerente geral da Missão para Migrantes da Ásia-Pacífico (APMM).

A APMM desenvolve um projeto de pesquisa desde 2020 com foco em vítimas de tráfico de pessoas na Malásia, Indonésia e Filipinas. O projeto de pesquisa de 2020 da APMM recebeu US $ 10,000 de financiamento do departamento de Relações Globais, um ministério do Sínodo Geral da Igreja Anglicana do Canadá, arrecadado por meio da campanha Recursos para a Missão doar com Graça.

Leia o artigo inteiro aqui.


Tags