Anglicanos japoneses e grupos ecumênicos dão as boas-vindas ao tratado de proibição de armas nucleares da ONU

Postado 23 de fevereiro de 2021

[Serviço de Notícias da Comunhão Anglicana] Os líderes religiosos em Hiroshima e Nagasaki, Japão, estão saudando a entrada em vigor do Tratado das Nações Unidas sobre a Proibição de Armas Nucleares. O tratado é um instrumento multilateral juridicamente vinculativo para o desarmamento nuclear em duas décadas. Ele foi aprovado por 122 nações na Assembleia Geral da ONU em 2017 e entrou em vigor em 22 de janeiro, depois que Honduras se tornou a 50ª nação a ratificá-lo.

As principais potências nucleares do mundo - Estados Unidos, Reino Unido, Rússia, China e França - não assinaram o acordo, nem o Japão, único país que suportou o uso de armas nucleares contra si. O Conselho Cristão do Japão diz que “lamenta” a falta de apoio do governo japonês.

Leia o artigo inteiro aqui.


Tags