Grupo de trabalho de sexualidade recomenda serviços de bênção sem alterar os formulários

Postado em 22 de janeiro de 2018

[Serviço de Notícias da Comunhão Anglicana] Um grupo de trabalho estabelecido pela Igreja Anglicana em Aotearoa, Nova Zelândia e Polinésia está recomendando que os bispos devem ser capazes de decidir se autorizam um serviço de bênção para casais do mesmo sexo, usando disposições já dentro dos cânones da província para “um não-formulário serviço." Mas diz que não deve haver mudança no "ensino da Igreja sobre a natureza do casamento [que] é afirmar o casamento entre um homem e uma mulher".

Leia a artigo inteiro aqui.


Tags